Sobrinho-neto de Silas Malafaia
Sobrinho-neto de Silas Malafaia, Rodrigo Westermann surge sexy (Foto: reprodução)

Até pouco tempo atrás desconhecido do grande público, o modelo Rodrigo Westermann, namorado do cantor Leandro Bueno, decidiu abrir abertamente sua vida pessoal e revelar que faz parte de uma família de poderosos da Igreja Evangélica brasileira.

Em entrevista ao jornalista Leo Dias, Rodrigo, que é sobrinho-neto do polêmico pastor Silas Malafaia, afirmou que por muito tempo sofreu com sua família por conta de sua homossexualidade. Segundo o rapaz, ele chegou a ter depressão.

“Não quero me promover às custas do Senhor Malafaia. Sofri muito por ser gay em uma família evangélica, passei por depressão, e, apesar de nunca ter pensado em me matar, sei que muitos pensam nisso todos os dias. Espero ter voz, fazer barulho para poder ajudar quem passa por isso”, disse Rodrigo.


“As pessoas têm muito isso de querer que a família tenha orgulho delas. Não quero que minha família sinta orgulho de mim, porque o não-orgulho deles é o orgulho dos meus amigos, de tudo o que eu vivo pela busca da igualdade, que é o que minha família não apoia. A gente precisar dar orgulho para o que pensamos ser o certo”, acrescentou.

Questionado sobre o que significa carregar o sobrenome Malafaia, Rodrigo foi direto e não escondeu o descontentamento com a família. Conforme o jovem, levar o nome do pastor o lembra dos piores momentos de sua vida.

“Malafaia significa toda a repressão que eu vivi, um mundo onde as pessoas ditam um amor que tem limites, que não te aceita do jeito que você é. Para mim, isso não é amor. Amor mesmo é o que eu vivo hoje”, declarou.