Ilustração, filmes adultos
Ilustração, filmes adultos (FOTO: Sean Cody / Divulgação)

Quem for assíduo espectador dos filmes pornográficos, certamente já ouviu o termo estrangeiro “bareback”. Nada mais é do que o gênero de filmagens, onde os atores aparecem não usando camisinha. Entretanto, nem tudo é o que parece e nem sempre esse adjetivo está atrelado à relação sexual desprotegida.

A entrevista de Mr. Pam, diretora de filmes adultos homossexuais, para a revista Slate, nos traz um segundo termo: “magic condom” (camisinha mágica). A prática consiste em usar o preservativo durante as gravações, mas as filmagens sendo feitas de um jeito que dão a entender que nada foi usado.

Uma das técnicas usadas para tal é a de segmentar as gravações. Na primeira parte são feitas as fotos promocionais, as cenas de sexo oral e quaisquer outras sem penetração anal. Depois, parte-se para o finalmente, só que com o ator — ativo — colocando a camisinha antes de ser filmado.


Como isso efetivamente funciona? Usando um preservativo com tonalidade semelhante ao pênis ou aqueles que não tem a tradicional borda. Ainda há aqueles estúdios que fazem essa edição digitalmente. Voltando ao relato da entrevista, Pam ainda declarou: “Às vezes, usamos iluminação com mais sombras para ocultar o preservativo”.