O escritor brasileiro Paulo Coelho manifestou publicamente apoio a Felipe Neto, após o youtuber noticiar que tem sofrido incessantes ameaças de morte – ele chegou retirar a mãe do Brasil.

“Ele poderia ser nosso filho. Nosso Felipe. Nosso neto. Está contra a censura, a intolerância, a bárbarie. Está do lado da diversidade, da liberdade de expressão, da literatura. Está do nosso lado. E nós estamos com ele”, escreveu Paulo Coelho no Twitter.

Em outro momento, Coelho ainda chegou a convidar Felipe para ir a sua casa, em Genebra, na Suíça, caso ele precise. Segundo o escritor, a localidade é conhecida por acolher “corpos diplomáticos”.


“Não brinca com milicianos. Está fazendo o certo, mas realmente não se exponha. Qualquer coisa pode vir até aqui – Genebra é super vigiada por causa dos muitos corpos diplomáticos. Se precisar, me acione por DM”, disse.

Ao ver a mensagem direta, o Felipe Neto, que na última semana se pronunciou contra a censura LGBT, disse ter se emocionando com o posicionamento do escrito brasileiro. “Chorei e é de verdade”, escreveu o youtuber.