Estudo aponta que ‘terapias de conversão’ podem aumentar índices de suicídio de transexuais

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Muito se houve falar sobre a tão polêmica ‘terapia de cura gay’, que inclusive é banida por entidades de Psicologia e afins. No mesmo caminho, tentar o mesmo com transexuais, pode dobrar os índices de suicídio entre tais pessoas.

É o que aponta um estudo promovido pelo Hospital Geral de Massachusetts, como informa a ‘revista Galileu’. O resultado da iniciativa foi publicado no periódico científico JAMA Psychiatry. A terapia de conversão consistiria em fazer uma pessoa transexual voltar ao gênero do nascimento.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Jack Turban, em seu estudo, concluiu algumas coisas. 27 mil transgêneros foram pesquisados. Aproximadamente 14% foram obrigados a aderir a terapia, sendo que 56% deles relataram impactos psicológicos e 49% denotaram mais tentativas de suicídio, por conta disso.

Além de tudo, as pesquisas ainda concluíram que os transexuais que passaram pelos “métodos de conversão”, dobraram e até triplicaram o numero de vezes de atentar contra a própria vida. Se o contexto fosse antes dos 10 anos de idade, as vezes quadruplicam. O mesmo ocorria em contexto via psicólogos e/ou figuras religiosas.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio