Um clássico dentro do cinema internacional, o filme O Segredo de Brokeback Mountain por muito tempo foi alvo de diversos ataques homofóbicos, por contar a história de dois cowboys americanos.

Em entrevista ao Sunday Today, o ator Jake Gyllenhall falou um pouco sobre o impacto do filme em sua carreira e revelou que o ator Heath Ledger, falecido em 2008, não curtia muito ver as piadas homofóbicas que faziam com a produção.

“Vejo pessoas que já ‘brincaram’ comigo ou me criticaram por algumas falas minhas no filme. E é isso que eu gostava tanto em Heath. Ele jamais brincaria com isso. Se alguém quisesse ironizar a história ou algo assim, Heath dizia: ‘Não. Essa história é sobre amor’”.


Gyllenhall ainda agradeceu por fazer parte do projeto e afirmou que ele mudou os rumos de sua carreira. “O filme definiu minha carreira de diferentes maneiras. Esse pequeno filme que fizemos e que significou tanto para nós agora já deixou de ser nosso – é do mundo”.

Original de 2005, O Segredo de Brokeback Mountain conta com a direção de Ang Lee e chegou a se ganhar três categoria do Oscar: melhor diretor, melhor roteiro adaptado, e melhor trilha sonora original.