Nos bastidores da gravação do Criança Esperança na noite de ontem, 16 de agosto, a atriz Leandra Leal desabafou sobre o cenário político atual e como isso afeta as minorias sociais.

A atriz, que também é empresária e proprietária do tradicional Teatro Rival, no Centro do Rio de Janeiro, falou sobre sua preocupação com a pauta da cultura: “A gente está num momento muito complicado. Existe uma desumanização do artista, de quem investe em cultura, uma crise no estado do Rio de Janeiro. Aqui é pior, está mais acentuado…” Desabafou, em entrevista para a UOL.

Questionada sobre o cenário atual para as desigualdades sociais, Leandra Leal apresentou sua visão crítica sobre o governo para a pauta LGBT e ambiental, principalmente:

“A gente nunca teve uma política pública para o LGBT, não teve nenhum presidente que apoiou o meio ambiente corretamente. A verdade tem que ser dita. A gente tem vários desmontes agora. Mas sobre LGBT e meio ambiente nunca teve. Agora só o discurso de ódio que foi liberado, mas política pública a gente não tinha”. Criticou.


O Criança Esperança vai ao ar na noite da próxima segunda-feira, 19 de agosto, na Rede Globo. Leandra Leal será uma das apresentadoras da atração.