Alana Marchiori (Reprodução/Instagram)
Alana Marchiori (Reprodução/Instagram)

O relato de uma mulher transexual logo após ter sofrido transfobia durante uma abordagem policial na cidade de Salvador, tomou conta das redes sociais neste último sábado (6).

Em um vídeo divulgado em seu perfil do Instagram, Alana Marchiori conta que foi tratada como homem por policiais militares. Segundo a moça, eles informaram que era uma “abordagem de rotina”, no entanto, entre as mulheres, apenas ela foi retirada do coletivo.

“Sofri transfobia e foi uma sensação horrível, compartilho com vocês a decepção e constrangimento que passei”, postou no Instagram. Nos comentários, muitas pessoas escreveram mensagens de apoio e pediram por uma posição da polícia militar.


Em nota divulgada à imprensa, a Polícia Militar do Estado da Bahia informou que a corporação não tem conhecimento do fato. Entretanto, após a repercussão vai ser verificado a veracidade do ocorrido. Caso realmente tenha acontecido, será instaurado, de imediato, um processo administrativo. Além disso, a PM-BA ressaltou que a instituição não compactua com qualquer conduta discriminatória.