Conhecidos pela postura ousada e bastante política nos palcos, dois integrantes da banda de metal, Rammstein, surpreenderam o público nesta terça-feira (30), ao darem um beijo gay durante um show na cidade de Moscou, na Rússia.

O protesto contra a política anti-LGBT do governo local aconteceu durante um solo de guitarra dos integrantes Paul Landers e Richard Kruspe, na música Auslander. Nas redes sociais a banda compartilhou a foto e escreveu: “Rússia, nós amamos você”.

Esta não é a primeira vez que os integrantes da Rammstein se posicionam a favor da comunidade LGBT+. Recentemente o vocalista Till Lindemann se envolveu em uma polêmica ao protestar contra a política anti-lgbt da Polônia. Em determinado momento do show ele se apresentou balançando uma bandeira do arco-íris.


Outro roqueiro aliado da causa LGBT+ é o baixista do Hot Chili Pepper, Flea. No início do mês o artista usou o Twitter para agradecer a deus pela existência dos gays: “Eu amo pessoas gays. Querido Deus, por favor, faça mais pessoas gays”, escreveu Flea.