Waka Flocka
Waka Flocka (Reprodução)

Um rapper americano tem sido acusado de homofobia, após dizer que não gostava do assédio dos fãs homossexuais. O posicionamento do artista foi gravado e publicado no Snapchat nesta semana.

Em um vídeo que dura por 30 segundos, Waka Flocka conta que um homem gay flertou com ele e diz que “não tem nada contra”, mas também afirma que não gostou nada de ser alvo de uma cantada do fã.

“Eu entendo que todo mundo faz o que quer”, disse Waka . “Nada contra a preferência sexual de ninguém, nada. Mas olha, eu não estou fechado com isso. Então não se aproxime de mim, não esteja fazendo muitos elogios e fazendo toda essa merda extra. É fora da linha e desrespeitoso”, completou.


Logo após, Waka aponta a câmera para o amigo que está sentado ao seu lado, que aproveita e fala para ele atirar no próximo que chegar perto dele com a mesma intenção. “Roube a alma dele”, diz o amigo. Depois Waka responde: “É simples assim”, terminando o vídeo fazendo um som de rajadas de tiro.