Após sofrer boicote por parte de conservadores, a série de pinturas da exposição Criança Viada, da artista Bia Leite, está concorrendo ao Prêmio Pipa de Arte Contemporânea 2019.

As pinturas reúnem e misturam imagens de crianças, com símbolos da comunidade LGBT+, como forma de empoderar pessoas que, desde muito novas, sempre exibiram sinais de sua orientação sexual ou identidade de gênero.

Conforme a revista Lado A, a artista afirmou que desde a repercussão negativa da exposição em 2017, as pinturas do Criança Viada acabaram não tendo muito espaço entre os editais.


O Pipa é um concurso brasileiro de artes visuais, que acontece desde 2010. A premiação conta com uma parceria Museu de Arte do Rio de Janeiro, onde o vencedor vai realizar uma exposição.

O objetivo do prêmio PIPA é divulgar a arte de artistas brasileiros e estimular a produção nacional. Dessa forma, artistas são premiados e consagrados para o rol dos maiores nomes das artes do Brasil. Para votar no trabalho de Bia Leite é só acessa o site do prêmio PIPA.