O ator Thiago Mendonça no Espaço dos Satyros
O ator Thiago Mendonça no Espaço dos Satyros (Foto: divulgação)

Os 50 anos de Stonewall ficou conhecido como um marco na luta pelos direitos LGBTs, quando, em 28 de junho, de 1969, tornou-se palco de uma coibição hostil advinda da polícia. A comunidade, que sempre se calava diante do tratamento indigno oriundo de grupos majoritários, resolveu reagir. Agentes da polícia invadiram o bar, prontificados a levarem, agressivamente, para cadeia, qualquer ser humano dissonante ao que era visto como normal perante os padrões sociais.  

Desse modo, para celebrar o levante,o ator, figurinista e diretor de arte Thiago Mendonça sobe ao palco do Teatro dos Satyros 1, na praça Franklin Roosevlt, para encenar Stonewall 50. O espetáculo tem por objetivo recontar o acontecimento, mas também trazer à tona as vivências do ator, que foram diretamente influenciadas por tudo isso.

“Eu falo de Stonewall sim, mas partindo das minhas vivências, da minha impressão sobre esse universo todo, e isso desde a minha infância”, conta Mendonça. “Trato de gêneros e desses limites impostos pela sociedade. Eu, por exemplo, sempre gostei muito de bonecos e bonecas, mas só ganhava bonecos, e isso não fazia sentido. Nesse Brasil de 2019, onde querem dizer que meninos vestem azul e meninas vestem rosa, eu dou uma misturada nisso pra dizer que aqui é tudo humano, tudo sobre o ser humano”, conceitua o ator.


Stonewall 50 cumpre temporada de 28 de junho a 27 de julho, no Teatro dos Satyros 1, na praça Franklin Roosevelt, na Consolação. Sextas e sábados às 23h30. Os ingressos custam R$ 40,00 (inteira) e R$20,00 (meia).