Taylor Swift
Taylor Swift (Foto: reprodução)

A canção “You Need to Calm Down”, novo single do álbum “Love” divulgado nesta sexta-feira (14), contou com uma dinâmica bem confrontativa e temas como homofobia.

Taylor Swift, logo na primeira estrofe da nova canção, confronta: “Você é alguém que eu não conheço, mas você está me criticando como se fosse tequila”, canta Taylor ao fazer um trocadilho de uma expressão inglesa (“take a shot at”) com uma marca da bebida mexicana chamada Patrón.

São apenas 7 horas da manhã. Diz na rua que isso é um arraso, mas em um tweet que é um fracasso”. “Não estou tentando bagunçar com sua forma de se expressar, mas aprendi a lição que se estressar e ficar obcecado por alguém não é divertido. E cobras e pedras nunca quebraram meus ossos”, canta Taylor.


“Você é alguém que eu não conheço, mas você está indo atrás dos meus amigos como um míssil. Por que você está bravo se você pode ser GLAAD?”; (GLAAD faz referência a sigla de Gay & Lesbian Alliance Against Defamation, importante organização não-governamental norte-americana que luta pelos direitos da comunidade LGBT+). Ou seja, aqui fica explícito que a cantora aproveita o ensejo para fazer críticas à homofobia.

Isso fica bem evidenciado neste trecho: “Brilhando nas ruas da parada, mas você prefere estar na era sombria fazendo aquele cartaz que deve ter demorado a noite toda. Você precisa ir com calma e tentar restaurar a paz e controlar seus impulsos de gritar sobre todas as pessoas que você odeia porque o ‘shade’ nunca fez de ninguém menos gay”, diz.

O videoclipe de “You Need to Calm Down” será divulgado na segunda-feira (dia 17) enquanto o novo álbum de Taylor Swift intitulado “Love” será lançado no dia 23 de agosto, conforme pontua o Observatório de Música.