professor Sandro Cipriano
Professor Sandro Cipriano (Foto: reprodução)

Um professor e militante da causa LGBT foi encontrado morto na manhã deste sábado (29) em um sítio na Zona Rural de Pombos, na Zona da Mata de Pernambuco. Sandro Cipriano Pereira, de 35 anos, era a vítima e estava desaparecido desde a noite da última quinta-feira (27), segundo informações da família.

Depois das buscas, o corpo foi encontrado por volta das 11h. Porém, já em estado avançado de decomposição. Desse modo, foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal, no bairro de Santo Amaro, no Recife. A causa da morte, de acordo com a Declaração de Óbito, foi uma lesão na cabeça provocada por um tiro. O documento foi enviado ao G1 por parentes da vítima.

Para descobrir os pormenores do ocorrido, a polícia local, através de uma nota oficial, afirma que o caso será investigado pela Delegacia de Pombos, com a delegada Karolina Dias Martins, que investigará a motivação do crime, bem como o autor do homicídio.


Sandro era professor do curso de Agroecologia na ONG Serviço de Tecnologia Alternativa (Serta), e há 20 anos atuava dentro da organização na causa LGBT e também no campo da agricultura familiar.