Mauro de Sousa e Maurício de Sousa (Reprodução/Instagram)
Mauro de Sousa e Maurício de Sousa (Reprodução/Instagram)

O filho de Maurício de Sousa, Mauro de Sousa, usou seu perfil do Instagram nesta sexta-feira (14), para expor um comentário homofóbico que recebeu, após informar que a Turma da Mônica teria planos de apresentar um personagem gay.

O comentário da pessoa, que não foi identificada por Mauro, dizia o seguinte: “Tenho 56 anos, fui fã da revistinha Turma da Mônica. Infelizmente hoje Maurício de Souza, sem forças para decidir sua vida, vai deixar um viadinho desfazer seu sucesso de décadas… possa ser que nesses tempos de hoje haverá muitos viadinhos que começará a inversão da esclerose de Maurício”.

Em resposta, Mauro escreveu que a intenção não era expor ninguém, mas sim informar que agora, de acordo com a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), comentários do tipo são considerada crime e podem gerar prisão de até cinco anos.


“Em uma reportagem recente, eu comentei, sim, que havia planos de um personagem gay na Turma da Mônica e, por conta disso, o infrator fez o comentário homofóbico acima. A diferença entre ontem e hoje, é que ontem ele era apenas mais um hater. Mas hoje, ele é um criminoso e pode ir para a cadeia”, escreveu.

Em seguida ele continuou: “Não, eu não vou ficar calado. Não, eu não quero mais aceitar que me chamem de ‘viadinho’. Só quem pode me chamar assim sou eu mesmo. E sim, a LBGTfobia agora, é crime”.

Em recente entrevista ao Observatório G Mauro chegou a falar sobre algumas intimidades da família Sousa, da inspiração de Maurício para fazer o personagem Nimbus, da Turma da Mônica e como é a relação de seu pai com o namorado. Confira!

View this post on Instagram

De boas com o papai 😊

A post shared by Mauro Sousa (@maurosousa) on