Brad Pitt (Reprodução/Netflix)
Brad Pitt (Reprodução/Netflix)

O ator Brad Pitt não gostou nada de ver seu nome e imagem, sendo associadas à um grupo que defende a existência da “Parada do Orgulho Hétero”, na cidade de Boston, nos Estados Unidos.

De acordo com o site The Hollywood Reporter, após saber que estavam usando sua imagem, o ator entrou em contato com o grupo e solicitou a retirada do uso de tudo que se referia a ele. Na manhã desta sexta-feira (7), as imagens foram substituída por placas “editadas” e “censuradas”.

Outro artista que se posicionou contra a suposta “Parada do Orgulho Hétero”, foi o ator Chris Evans, que interpreta o personagem Capitão América, da Marvel. No Twitter, o artista debochou da possibilidade do evento.


“Uau! Iniciativa incrível, caras!!! Só uma ideia, ao invés de parada do ‘Orgulho Hétero’, que tal isso: A parada do ‘Desesperadamente tentando enterrar nossos próprios pensamentos gays sendo homofóbico, porque ninguém nos ensinou como acessar nossas emoções quando crianças’? O que vocês acham?”, escreveu.