Stonewall Inn
Stonewall Inn (Foto: reprodução)

O Departamento de Polícia do Estado de Nova York se desculpou nesta quinta-feira (6), depois de 50 anos, pela invasão do bar gay Stonewall. O caso gerou uma série de rebeliões na cidade, se tornando um grande marco da comunidade LGBTQ+, na luta por direitos civis.

“Seria irresponsável passar pelo Mês do Orgulho Gay e não falar dos eventos em Stonewall Inn em junho de 1969. O que aconteceu não deveria ter acontecido. As ações do Departamento de Polícia de Nova York foram erradas. As ações e as leis eram discriminatórias e opressivas. Peço desculpas por isso”, afirmou o comissário da polícia de Nova York, James P. O’Neill.

O caso de Stonewall aconteceu especificamente no dia 28 de junho de 1969. Na ocasião, nove policiais invadiram o bar alegando que o estabelecimento vendia bebidas alcoólicas sem licença e expulsaram os clientes, encurralando-os em uma parede e os obrigando a mostrar os documentos.


Inclusive, em comemoração à data revolucionária, a 23ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo deste ano terá como tema os 50 anos da revolução de Stonewall. O evento está marcado para acontecer no dia 23 e está cheio de novidades.