Drag Queen Pabllo Vittar (Divulgação)
Drag Queen Pabllo Vittar (Divulgação)

A cantora Pabllo Vittar confessou que já tentou fazer transição de gênero, mas desistiu ao perceber que ela não era uma mulher transexual e sim um homem gay afeminado. A declaração foi dada durante uma entrevista à drag queen Bianca Della Fancy, no YouTube.

De acordo com Pabllo, a experiência com hormônios aconteceu muito rápido. Ela teria utilizado o remédio “Evra” por cerca de um mês, mas logo desistiu. O teste aconteceu nos últimos meses de 2018 e inclusive, os fãs da cantora já haviam desconfiado.

“Só que daí você vai percebendo mudança na cabeça, e aí você fala assim: não, não é para mim. A cabeça principalmente, você começa a se questionar, sabe? Não que isso seja, sei lá… mas é porque eu tenho muita convicção de quem eu sou. Eu sou uma poc, um gay”, declarou a drag, que acabou de lançar um álbum de remix com músicas do Não Para Não.


Bianca ainda questiona se Pabllo não estava fazendo aquilo apenas para ter um corpo mais feminino, como muitas drags norte-americanas fazem. Mas a artista conta que realmente estava pensando em transicionar.

“Magina, não. Eu até conversei com a Mel [Gonçalves] e com a Urias. Aí minha amiga falou assim: ‘vê como você vai se sentir’. Eu tinha vontade de saber como é que era, como tudo na vida que eu tenho vontade de fazer e eu faço”, disse Pabllo.

Após a pequena experiência com o hormônio, Pabllo confessou que agora ela tem muito mais respeito pelas garotas transexuais, por conta das transformações que os hormônios fazem no corpo e na mente.