Ministra Damares Alves
Ministra Damares Alves (Foto: Reprodução/Youtube)

Após vazar a notícia de que deixaria o cargo de ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves desmentiu a informação e declarou que não irá deixar a pasta: “Não tenho a intenção de sair do governo.”, publicou no Twitter.

Conhecida por declarações polêmicas, a ministra garantiu, em uma entrevista à Rádio Gauíba, em Porto Alegre, que iria ficar no cargo político “até o onde o presidente aceitar e até onde a minha saúde suportar”.

Em outro momento, Damares voltou ao Twitter para explicar melhor a situação. “Eu não vou sair deste governo. Nós estamos com tantos projetos iniciando agora. Tem tanta coisa pra fazer e não há nenhuma intenção de deixar o governo”, escreveu.


A polêmica surgiu quando nesta sexta-feira (3), uma reportagem da revista Veja disse que a ministra teria pedido ao presidente Jair Bolsonaro, para deixar a pasta devido à “rotina estressante, problemas de saúde e ameaças de morte”.

Ainda de acordo com a reportagem, Damares teria abandonado a sua residência em Brasília e teria passado a morar em um hotel, cujo o endereço seria mantido em sigilo, para a proteção da ministra. Além disso, por orientação do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), a ministra teria passado a não antecipar mais às agendas política da semana e teria reforçado a segurança.