Blake Foster, ex-power ranger azul (Reprodução)
Blake Foster, ex-power ranger azul (Reprodução)

Após chamar um ator da franquia ‘Power Rangers’ de “viadinho”, o ator Blake Foster, que interpretou Justin, o ranger azul, em ‘Power Rangers Turbo’ (1998), foi bastante criticado nas redes sociais.

Tudo começou quando no último episódio de ‘Power Rangers Beast Morphers’, exibido no último sábado (27), pela Nickelodeon americana, o cientista Nate (Abraham Rodriguez), se transforma pela primeira vez no ranger dourado.

Ao assistir o episódio, Blake não poupou críticas: “O novo Ranger dourado parece um ‘viadinho’. Péssima escolha. A equipe da série errou feio aí. Não me entendam mal, só estou atestando fatos”, publicou no Instagram.


Após o comentário, o ator foi bastante criticado nas redes sociais, não só por fãs da franquia, como também por ex-rangers, que compararam a situação de Nate com a de Blake, que quando surgiu como ranger azul, foi bastante criticado por ter apenas 12 anos.

“Cadê o apoio da família Ranger, Blake? Espero que as pessoas não tenham te chamado de nomes assim quando descobriram que você era o novo Ranger azul”, comentou Colby Strong, que interpreta o vilão Blaze na atual temporada.

“Achei uma escolha incrível. Ele é um líder de verdade, um Ranger de verdade, com intelecto de verdade e força de verdade”, elogiou David Yost, ex-ranger azul, que já revelou que sofreu muito por ser gay enquanto atuava do seriado americano.

Depois de receber muitos comentários negativos, Blake voltou atrás e pediu desculpas pela publicação preconceituosa: “Eu fiz o comentário sem maldade, mas agora percebo que o seu personagem, assim como o meu, representa a ideia de que qualquer pessoa pode virar um Power Ranger. Preciso entender que não estamos mais em 1993 e comentários como esse não têm mais lugar na época em que vivemos”, escreveu ele.