A atriz Mariana Ximenes (Foto: Divulgação/TV Globo)

Mariana Ximenes falou sobre Adalgisa, a sua personagem em Se Eu Fechar Os Olhos Agora. Vista como uma mulher a frente do seu tempo, feminista e revolucionária, ela vai engatar um relacionamento com outra mulher. A escolhida é Isabel, interpretada por Débora Falabella.

“Ela tem um humor ácido e preciso, tem uma sagacidade absurda, mas ao mesmo tempo uma profundidade e uma amargura bem profundas, mas que ela não revela. Tem tiradas absolutamente inteligentes. A Adalgisa é uma mulher à frente do seu tempo, moderna, contemporânea, usa calça, é sensual. É irreverente e se expressa desta forma na hora de se vestir, no cabelo, na maquiagem, nas unhas e na própria atitude”,  adiantou.

Adalgisa é casada com um empresário de sucesso, dono da fábrica de tecidos União & Progresso, Geraldo Bastos (Gabriel Braga Nunes). Ele tem a esposa como seu maior troféu. Conquistar a deslumbrante Miss Distrito Federal foi uma vitória pela qual ele nunca deixou de se vangloriar. “Ela tem um casamento estável, mas não gosta de ser tratada como um troféu. Fica indignada, mas aceita porque quer manter essa posição social.”, contou.


Solidão e vício

Tanto Geraldo quanto Adalgisa são considerados modernos para os padrões da sociedade de São Miguel. Um casal vibrante, que provoca inveja por onde passa. Dentro de casa, no entanto, eles mantêm uma relação de respeito e carinho, mas sem qualquer rompante de paixão. Cada um, a seu modo, vive dentro da própria bolha de solidão.

Para Adalgisa, seu melhor amigo é o dry martini que bebe quando está sozinha em casa, imersa em seus pensamentos, frustrações e desejos reprimidos. Nem mesmo os apelos do filho Edson (Gabriel Falcão) conseguem tirá-la do vício do álcool.

Com estreia prevista para o próximo dia 15 na Globo, Se eu fechar os olhos agora é uma minissérie escrita por Ricardo Linhares com direção artística de Carlos Manga Jr., inspirada no livro de Edney Silvestre.