O ator Pedro Alves
O ator Pedro Alves (Foto: Divulgação/TV Globo)

A nova temporada de Malhação, intitulada Toda Forma de Amar, vai contar pela primeira vez com um protagonista gay. O escolhido para viver o personagem Guga, será o estreante Pedro Alves, de 24 anos.

No folhetim global, o ator viverá um personagem  que terminará um namoro com uma menina. A decisão ocorre após perceber que só sente amizade por ela. Logo após, entretanto, conhecerá Serginho, que será interpretado por João Pedro Oliveira. A partir daí, ele viverá uma série de conflitos pessoais e familiares, a fim de entender melhor o sentimento.

O ator relatou a revista VEJA, o quanto está ansioso para a realização do papel, no qual ele considera de suma importância e de imensa responsabilidade. “Há uma importância muito grande, pelo momento que a gente está vivendo politicamente. Os artistas e a televisão têm esse papel também de informar.”, analisou.

Assim João espera conquistar também o público mais conservador, aqueles que por ventura poderiam vim a criticá-lo. “Se naturalizarmos isso com a TV, creio que vamos conseguir combater o preconceito. É nisso que a televisão está investindo: uma linguagem nova, que possa mostrar as diferentes formas de amar para as pessoas”, afirmou.


Primeiro protagonista gay em 25 anos

Sobre a demora para ter um protagonista gay na trama, Pedro entende que o retrato acontece no momento certo. “É natural. A senhora que está assistindo à televisão não aprendeu dessa forma, então, para ela, seria um pouco pesado ver de cara um casal homossexual, sem ninguém ter explicado que aquilo era simplesmente amor.”, analisou.

“A televisão pode injetar isso de forma homeopática, ensinando que é só uma forma de amar como tantas outras. A demora se deu pelo atraso da sociedade, pela desinformação, pelo governo que nos desinforma o tempo todo. A gente acha que o Brasil é só Rio de Janeiro, São Paulo, mas o país é muito vasto, o que a gente vive aqui não é a mesma coisa que o pessoal vive no Nordeste, no Norte ou no Sul. Mas acredito que chegou o momento de abordar isso com mais clareza, firmeza e naturalidade.”, completou.