Rocketman
Rocketman (Foto: divulgação)

Segundo a argumentação, o corte é para o filme apresentar-se mais leve. Pelo o que foi estipulado no NerdBunker, Bohemian Rhapsody, a cinebiografia do Queen, arrecadou quase US$ 1 bilhão com o longa. A atração se distanciou de todas as polêmicas ao ocultar cenas de sexo e drogas do enredo.

Os executivos da Paramount Pictures sinalizam que querem obter o mesmo sucesso financeiro com Rocketman. A cinebiografia do britânico Elton John, já dá sinais que, abrandará a vida conturbada do astro. Para isso, cenas contendo Sexo e drogas podem ser retiradas.

Veja mais: Liniker e os Caramelows lançam terceiro álbum; Ouça Goela Abaixo


A cena de cerca de 40 segundos mostraria Elton e um amante deitados na cama com as nádegas de fora. A cena é sugestiva, mas não faz menção ou alusão ao ato sexual em si. Os executivos, entretanto, temem que o conteúdo afaste espectadores e, possivelmente, traga uma classificação indicativa maior do que a prevista para 13 anos no Brasil e nos Estados Unidos.

Os cortes repercutiram, pois o próprio John já havia dado carta livre para compor a  atração. Rocketman tem estreia marcada para 30 de maio de 2019, no Brasil. Ao mesmo tempo, Elton John realiza a Goodbye Yellow Brick Tour, sua turnê de despedida, que vai contar com mais de 300 shows ao redor do mundo entre 2019 e 2021.