The L Word
As personagens de The L Word (Foto: Divulgação)

Originalmente produzida entre 2004 e 2009, The L Word irá ganhar uma continuação com episódios inéditos. O drama marcou época por ser a primeira produção da TV norte-americana com personagens majoritariamente lésbicas ou bissexuais. A nova temporada tem previsão de estreia para ainda este ano, e terá oito episódios. Eles serão exibidos pelo canal pago Showtime.

Apenas uma parte do elenco original está confirmada para o revival. Katherine Moennig (Shane McCutcheon), Jennifer Beals (Bette Porter) e Leisha Hailey (Alice Pieszecki) não apenas voltarão, como também serão produtoras dos novos episódios.

Em comunicado à imprensa, foi informado o que o público de The L Word deve esperar para a continuação. Trata-se de “uma nova geração de personagens LGBTQ+ vivenciando o amor, desilusão, sexo, sucesso e fracasso na cidade de Los Angeles”.


Leia mais:

Rouge lança álbum de despedida do grupo; Ouça “Les 5inq”

“Palhaço” une Jeza da Pedra, DJ MAM, Donatinho e TechnoBrass em lyric video

A criadora da série original, Ilene Chaiken, será creditada na parte criativa. No entanto, não deve ter envolvimento direto com os novos capítulos, visto que ela está trabalhando com a produção de Empire. Com isso, o posto de showrunner é assumido por Marja-Lewis Ryan.

O chefe de entretenimento do Showtime, Gary Levine, revelou suas expectativas quanto à nova temporada da série. “Marja trouxe sua visão única e contemporânea ao mundo de L Word e a misturou de uma maneira linda à base da série vanguardista de Ilene”, disse ele. “Essa série aclamada era ao mesmo tempo divertida e impactante quando foi ao ar pela primeira vez. Temos confiança de que a nova versão vai fazer tudo isso e muito mais em 2019”, completou o executivo.

A ideia de continuação de The L Word ronda por Hollywood e, de forma especial, pela mente dos fãs, desde 2017. Contudo, agora deve sair do papel. O anúncio foi feito alguns dias depois do aniversário de 15 anos da série. O episódio de estreia foi lançado em 18 de janeiro de 2004. As informações são do UOL.

O elenco original do drama lésbico contava, ainda, com Erin Daniels (a tenista Dana), Rachel Shelley (a filantropa Helena). Mia Kirshner (a irritante Jenny), Laurel Holloman (a executiva Tina), entre outras. O canal não revelou se essas atrizes aparecerão em algum momento dos novos episódios.