A cantora Monique Kessous
A cantora Monique Kessous (Foto: Divulgação)

Em 2017, a decisão judicial em caráter liminar, que autorizou terapias de reversão sexual, a popular “cura gay” causou polêmica. Agora, quase dois anos depois Monique Kessous lançou a música que compôs na época motivada pela repercussão do caso.

Intitulado Viada, o single é uma parceria com o seu irmão Denny Kessous, que chega ao mercado fonográfico na próxima sexta-feira (22). A faixa vem com uma dose de deboche e indignação.

LEIA MAIS:


Johnny Hooker lança single em combate ao assédio no carnaval; Ouça

Ouvintes acusam rádio de boicote à música de Pabllo Vittar

“Recomendaram tratamento / Mas estou curada / Eu continuo viada / Eu continuo viada”, diz a artista em um trecho da música.

A faixa sai três anos após a artista lançar o terceiro álbum autoral, Dentro de mim cabe o mundo (2016). O trabalho fonográfico contra a assinatura de Monique na produção musical.