O ator Jussie Smollett
O ator Jussie Smollett (Foto: Divulgação)

Jussie Smollett foi preso nesta quinta-feira (21) em Chicago. O motivo para a prisão do ator seria a suspeita de ter forjado um ataque homofóbico no final do mês passado. Após a investigação, a polícia passou a classificá-lo de vítima por ter feito uma denúncia falsa sobre o incidente.

O anúncio da detenção do famoso foi feita logo pela manhã de quinta-feira (21). Segundo a polícia, ele armou a agressão porque queria um salário maior. Em coletiva, o superintendente da polícia de Chicago, Eddie Johnson, contou que Smollett pagou dois irmãos para lhe atacarem. 

“Jussie Smollet tomou proveito da dor e raiva que o racismo [provoca] para benefício próprio e promover sua carreira.”, afirmou Johnson que diz ainda que o ator deve desculpas a cidade de Chicago.


Smollett estava insatisfeito com o seu cachê na série “Empire”. Por isso, armou esse ataque para conseguir ganhar comoção e, de alguma forma, receber um aumento salarial.

LEIA MAIS:

Suspeito de matar mulher transexual em Sorocaba confessa crime, mas é liberado

Homem que espancou jovem gay confessa crime e confirma homofobia

Entendo o caso

Jussie afirmou ter sido agredido por dois homens, na madrugada de 29 de janeiro. Segundo ele, os agressores seriam brancos e e teriam perguntado se ele era “o gay de Empire”. Por conta do ataque o famoso teria quebrado uma de suas costelas.

De acordo com o TMZ, a polícia teria chegado aos irmãos Abel e Ola Osunada. Eles contaram que conheciam Jussie da academia, e que os pagou para o agredirem, indicado, inclusive, onde poderiam inclusive comprar a corda que foi enrolada no pescoço do ator.

Depois do depoimento, os irmãos Osunada, liberaram um comunicado no qual afirmam não serem homofóbicos ou racistas,  e que também não eram apoiadores de Trump.