Leila Pinheiro
A cantora Leila Pinheiro (Foto: Reprodução)

Em entrevista ao jornal O Globo, Leila Pinheiro falou sobre o seu documentário Infinito Particular e soltou revelações sobre sua sexualidade. O filme sobre a cantora será lançado em 2020, quando ela completa 60 anos. A direção é de Carol Beiriz.

“Já temos roteiro, fotos e vídeos da minha carreira e da vida pessoal. Todo mundo sabe que sou gay, adoro ser e me relaciono com moças há 40 anos. Mas se amanhã pintar um cara legal, não estou fechada”, adiantou Leila.

Antes do documentário, a voz de bossa nova sobe aos palcos no Rio de Janeiro, no próximo dia 30. Ela apresentará um novo show, intitulado Extravios e dirigido por Ana Beatriz Nogueira. Ao falar sobre o show e sua diretora, Leila Pinheiro é só elogios, empolgação e reflexão.


Leia mais:

Lulu Santos e Silva são os mais novos confirmados do Rock in Rio 2019

Foto que revela suposto caso amoroso entre Lula e Maduro nos anos 1980 é falsa

“Ela é demais! Vai ser um porradão. Vou recitar Sabiá, do Tom e do Chico, em tons médio-graves. O momento político não é de gritaria, precisamos nos ouvir”, afirmou. As informações são do site Gay1.