Giovanni Dopico
Giovanni Dopico (Reprodução/Gshow)

Intérprete do jovem atleta Santiago em Malhação – Vidas Brasileiras, que se descobre gay após sentir atração pelo colega da escola, Giovanni Dopico revelou que recebe mensagens homofóbicas nas redes sociais.

“Houve algumas mensagens homofóbicas e agressivas. Senti na pele o preconceito com algumas mensagens que recebi! Com certeza, hoje em dia, percebo o preconceito com mais clareza. Na minha vida, sempre parti do princípio de que o o respeito é a base de tudo! E, infelizmente, acredito que a sociedade ainda tem muito a evoluir.”, afirmou ele em entrevista ao Notícias da TV.

Uma foto na qual o ator aparece com o seu par romântico na trama, Pedro Vinícius, recebeu reações discriminatórias. Alguns seguidores chamaram o retrato do relacionamento homoafetivo de “lixo” e outros disseram ter nojo do casal. Apesar da retaliação, o global garante que a maioria da resposta do público é positiva.


“Fico muito feliz com esse retorno, porque é a maior prova de que o público tem sentido a verdade que queremos passar com essas histórias.”, comemorou Dopico, que junto com Vinícius foi o responsável por promover o primeiro beijo entre homens em 23 anos da novela, no ano passado.

 LEIA MAIS:

Atriz trans Glamour Garcia é escalada para próxima novela da Globo

Daniela Mercury lança remix de Pantera Negra Deusa com duo I Koko; Ouça

Quinzena

Nesta semana, a trama de Santiago está em evidência. Nesta temporada, há cada quinzena, um dos personagens protagonizam. Nas cenas exibidas na semana passada, o pai de Santiago percebeu que ele tinha um relacionamento amoroso com Michael e o expulsou de casa. Mesmo após se arrepender, o homem ainda tentará “reverter” a sexualidade do filho.

“Ouvi várias histórias sobre casos desse tipo e li outras na internet. É um tema bem delicado e importante de ser tratado, inclusive pro público jovem. Eu estudei bastante, pesquisei casos, vi filmes, conversei com amigos. Eu acho que o ideal é que, no fim, o pai de Santiago entenda que o filho o ama e que seu caráter não muda em nada por ele gostar de meninos”, opinou.