Deputada trans Tessa Ganserer
Deputada trans Tessa Ganserer (Foto: Divulgação)

No próximo dia 23 de janeiro, Tessa Ganserer, fará história quando será condecorada a primeira deputada transexual da Alemanha. A parlamentar já exerce o cargo no mesmo posto ao qual foi reeleita. Porém, esta será a primeira vez que irá utilizar o seu nome social.

A notícia foi recebida de surpresa dentro do universo político alemão. Ela anunciou sua transição de gênero há algumas semanas nas redes sociais. No Parlamento Regional da Baviera, Ganserer será a representante do Partido Verde.

LEIA MAIS:


Susana Vieira quebra a internet ao dar selinho em Ivete Sangalo e em Faustão

Denúncias acusam Chechênia de manter campos de concentração para homossexuais

Há algumas semanas nas redes sociais e deve se pronunciar pela primeira vez nesta segunda-feira sobre a retificação do nome na identidade. “Eu sou uma mulher em todas as fibras do meu corpo e agora também uma senhora deputada regional”, anunciou a política em seu perfil no Facebook, que passa a ser tratada pelo feminino dentro do Parlamento Alemão.

Apesar de ter o gênero respeitado nas sessões plenárias, Tessa ainda deve esperar para conseguir ter o nome e gênero modificados nos seus documentos oficiais. A lei alemã estipula que são necessários dois exames para poder aspirar a uma mudança de nome no registro civil. Em novembro, ela obteve certificado médico de um psiquiatra atestando sua transexualidade.