Com silêncio de Nego do Borel, Luisa Marilac volta a falar de processo judicial

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ao falar sobre o dia da visibilidade trans, comemorado nesta terça-feira (29), Luisa Marilac falou novamente sobre a polêmica envolvendo ela e Nego do Borel. A youtuber comentou sobre a proposta feita por ela que evitaria um processo em nome do funkeiro. No entanto, esclareceu que não houve retorno do cantor nem de sua equipe. Por isso, está considerando tratar o assunto em vias judiciais.

“Todo mundo sabe que sempre segui o Nego do Borel, sempre tive carinho, até o dia que ele me magoou. Sou muito criticada porque as pessoas falam que tenho que processar. Sabem por que não movi uma ação contra o Nego do Borel? Porque minha equipe entrou em contato com a equipe dele pra ver se a gente conseguia um processo de conscientização. Que ele falasse um pouco nas redes sociais dele sobre a causa transgênero, sobre o gay. Entendesse um pouco mais do assunto pra ajudar nesta causa devido aquele vacilo que ele deu”, começou Luisa, em vídeo publicado em seu canal no YouTube.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja mais:

Lea T responde comentários transfóbicos em foto: “Te desejo a minha felicidade”

Um LGBT morreu a cada 20 horas no Brasil em 2018; Confira dados do relatório

“O tempo se passou, o assunto já está morrendo, graças a Deus. Sou uma pessoa que nunca precisei me envolver em polêmica pra aparecer. A gente está esperando uma posição do Nego do Borel, pra ver a atitude e a decisão que ele vai tomar. Quero que ele ajude uma causa. Que depois de ter me feito mal, pague com o bem. Acho que de uma forma vai limpar até a imagem dele”, acrescentou.

“Quero respeito, não quero aceitação”

Contudo, Luisa explicou que o cantor não deu retorno e, por isso, está pensando em seus próximos passos. “Pedi pra minha advogada pra eles se informarem, conhecerem, doarem. Fazer alguma coisa por essa minoria que é esquecida. Quem bate esquece, quem apanha nunca esquece. Tentei de uma forma e não consegui. Vou entrar em contato com meus advogados pra ver os transmites legais. Se for o caso de ter que entrar na Justiça, não faço questão de nenhum tostão. Será revertido em alguma causa trans, gay. Não quero e nem preciso de nenhum dinheiro dele. Quero respeito, não quero aceitação”, afirmou.

Nego do Borel passou por graves consequências após o comentário transfóbico proferido por ele em relação à Luisa Marilac. Foi vaiado em show, outras cantoras cancelaram participação na gravação de seu DVD. Ele mesmo chegou a cancelar a gravação do DVD, que seria feita hoje e ainda está sem data prevista após o cancelamento. Ele pediu desculpas, no entanto, a youtuber ainda está na espera de alguma ação prática referente ao caso.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio