SOPHIE
A cantora e compositora SOPHIE (Foto: Reprodução)

Sophie Xeon, ou simplesmente SOPHIE, é a primeira mulher trans a ser indicada em uma categoria do Grammy Award. Nascida na Escócia, a cantora, produtora e DJ é conhecida por seu estilo experimental, que leva também um pouco de pop e eletrônico.

SOPHIE foi indicada à categoria de melhor álbum dance/eletrônico, pela produção de seu último trabalho solo chamado Oil of Every Pearl’s Un-insides. Junto a ela, competem Jon Hopkins, Justice, Sofi Tukker e TOKiMONSTA.

Leia mais:


Atriz trans aparece de calcinha e sutiã em “O Sétimo Guardião”

“Quando ela quiser” dispara Bia Arantes sobre beijo em Bruna Marquezine

De acordo com o site Miojo Indie, a cantora escocesa deixou a colaboração com Charli XCX para logo depois fazer parcerias com grandes nomes da música, como Madonna, em Bitch, I’m Madonna. Naturalmente, esta trajetória lhe engrandeceu musical e artisticamente.

O título do álbum pode também significar I Love Every Person’s Insides (Eu amo o interior de cada pessoa). Na composição de algumas faixas, SOPHIE revela como se sentiu no processo de transição de gênero. Alguns versos “projetam como um grito de liberdade e reafirmação pessoal, como um produto das experiências acumuladas”.

A cerimônia do Grammy Award acontece em 10 de fevereiro de 2019.