Ruby Rose como Batwoman
Ruby Rose como Batwoman [Foto: Divulgação]

Após a sua primeira aparição através do crossover de “Arrow”, “The Flash” e “Supergirl”, a Batwoman – primeira heroína lésbica da DC – está prestes a ganhar sua própria série na CW.

A roteirista Caroline Dries explicou em entrevista ao The Hollywood Reporter como será a produção. Ela  também deu apoio no retrato das cenas em que Batwoman aparece nos episódios de “Elseworlds“.

“Para mim, foi como se tivéssemos feito tudo de trás para frente. Nós ainda não temos o roteiro [da série de ‘Batwoman’], mas já tivemos que escalar uma atriz e desenhar um traje. Foi divertido, mas muito surreal”, comentou.


A redatora explicou que a produção será mais sombria que outros títulos da DC. “Nossa série será um pouco mais sombria. Quando os heróis foram para Gotham [em ‘Elseworlds’], queríamos criar uma cidade desconfortável, com a música e os exteriores, os becos e a sujeira. Eu acho que, por eles terem sido assaltados já quando chegaram em Gotham, é uma ótima introdução ao cenário”, brincou.

LEIA MAIS:

DJ Allan Natal lança clipe de parceria com Amannda e Nikki Valentine; Assista “Don’t Tou Dare”

Pornohub divulga ranking entre os mais buscados de 2018

“Ao mesmo tempo, nós queríamos criar uma Gotham diferente das outras que já foram vistas no cinema e na TV. Nos inspiramos muito em Chicago. É difícil criar uma versão nova de Gotham, porque ela já foi feita de muitos jeitos diferentes, mas não queríamos uma metrópole moderna, como Vancouver [onde as outras séries da DC são filmadas]”, justificou ela.

O cidadão mais famoso de Gothan City, Batman, peimo de Kate Kane também deve aparecer na série. “A Warner nos deixou fazer referência a ele, mas ele não poderia aparecer. Quem sabe na série solo, em um holograma ou algo assim. Nós continuaremos pressionando”, assegurou Dries.