Cena final de Casablanca original
Cena final de Casablanca original (Foto: Reprodução)

O histórico Casablanca, dirigido por Michael Curtiz, irá ganhar uma nova vida. Todos os personagens serão LGBTs e os papeis centrais serão entre duas mulheres. A leitura será encenada ao vivo, no dia 13 de dezembro, no Ace Theather, em Los Angeles.

De acordo com o site Delas, a cena principal, o famoso beijo, continuará existindo. No entanto, será interpretado por duas mulheres. O papel de Rick (para sempre associado a Humphrey Bogart), será interpretado por ninguém mais, ninguém menos, que Ellen Page.

O papel de Ilsa será encarnado por Kiersey Clemons. Seu marido, Victor Laszlo na trama original, ficará por conta de Olivia Wilde.


Leia mais:

Paulo Gustavo revela casamento gay em “Minha Mãe é uma Peça 3”: “Juliano vai casar”

Ministério Público abre ação contra prefeito de Balneário Camboriú por tentar impedir Parada da Diversidade

Parte de um projeto liderado há anos por Jason Reitman, a apresentação será um ato único. O realizador já promoveu versões igualmente inovadoras antes, como a versão de Reservoir Dogs interpretada completamente por atores afro-americanos.

Além disso, o valor da bilheteria reverterá a favor da Astraea Lesbian Foundation for Justice, associação de apoio à causa LGBT.