Jean Wyllys (Foto: Reprodução)
Jean Wyllys (Foto: Reprodução)

Jean Wyllys (PSOL) acusou o deputado federal eleito Alexandre Frota (PSL) de injúria, por afirmação feita em 2017. Agora, Frota foi condenado pela pela 2ª Vara Federal de Osasco (SP).

A ação, datada de abril de 2017, acusa que Alexandre Frota divulgou em sua rede social oficial uma foto de Wyllys, alegando que ele teria dito: “A pedofilia é uma prática normal em diversas espécies de animal (sic), anormal é o seu preconceito”. O deputado federal Jean Wyllys alegou jamais ter proferido essa frase.

Leia mais:


Youtuber LubaTV critica Kéfera e confusão divide opiniões na internet

Pabllo Vittar tranquiliza fãs após passar por cirurgia no joelho: “Agora é ficar quietinha”

Depois da imprensa abordar o assunto, Jean Wyllys comentou sobre em seu Twitter. “A partir de agora, a toda essa gente ruim, com ódio no coração. Que gosta de divulgar mentiras, fake news e calúnias a meu respeito, eu digo: pensem duas vezes!”, escreveu.

Seguidores reagiram. “Que vergonha do meu Estado ter um deputado como você”, opinou um. “O Alexandre Frota ainda tem pensão alimentícia. É muita coisa pra pagar. Vou sugerir ao Alexandre emprego de motorista dos Bolsonaros”, brincou outra pessoa. “Muito bem feito!!!”, comemorou uma terceira.