Homem gay é condenado a 15 anos de prisão por se passar por mulher para transar com héteros

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Duarte Xavier, um homem gay britânico de 33 anos, foi condenado a 15 anos de prisão por ter enganado um hétero ao se passar por uma mulher. Utilizando perfis fakes em sites de relacionamento, ele atraia as vítimas para transar sem o seu consentimento.

Xavier se encontrava com os homens em uma das suas casas em Bournemouth ou Londres. E para não ter o seu segredo revelado, ele conseguia convencê-los a utilizar uma venda, com a desculpa de ser uma fantasia sexual. Porém um dos rapazes tirou a venda e descobriu toda a farsa denunciando-o.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ao declarar Duarte culpado, o juiz entendeu que ele agia de maneira cruel e deliberada ao tentar enganar os seus pretendentes fingindo ser mulher. Em sua sentença, o juiz ressaltou que não houve nenhum remorso ou arrependimento por parte do réu.

LEIA MAIS:

Serginho Orgastic publica foto de encontro com Pabllo Vittar: “icônico”

Burger King lança vídeo que explica diferença entre opinião e preconceito

A vítima que denunciou Xavier alega ter sofrido sérios problemas psicológicos após o episódio. Além disso, ele relata que perdeu a confiança em qualquer outra pessoa que promova um encontro online.

A polícia espera que outras pessoas que tenham caído no mesmo golpe se identifiquem à justiça para que sejam investigados outros casos. O processo com novas vítimas pode agravar ainda mais a situação do condenado.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio