Defesa Pessoal
Defesa Pessoal (Foto: Reprodução/Internet)

A Associação em Defesa dos Direitos Humanos (Adeh), em Florianópolis oferece um curso defesa pessoal para os LGBTs.

Intitulado “Extravasa: Defesa Pessoal”, o curso acontece na sede da Adeh até o dia 17 de dezembro e faz parte do projeto Autodefesa Funcional.

Em entrentrevista ao G1, a educadora social Laurinha de Souza Brelaz, explicou que os alunos aprendem a se proteger e se defender. Além de ressaltar que a intenção não é de ensinar a sair batendo “em ninguém na rua”.


“Aprendemos as várias formas de abordagens do agressor e como podemos nos defender de cada tipo de violência. Também aprendemos que ao imobilizar o agressor. Não precisamos fazer mais nada, para não passarmos de vítimas a agressor”, disse Laurinha.

LEIA MAIS:

Tinder lança função que aumenta chances de encontros em até 250%

Cantora trans revela namoro com Freddie Mercury: “Era intenso”

O estudante universitário, Matheus Martins, fala sobre o clima de insegurança e a importância de aprender a se defender.

“Você fica com medo. Fica com medo de sair na rua. Como eu pessoalmente não tenho uma estatura física, não tenho experiência em briga, em arte marcial, não sei me defender sozinho. Com todo esse contexto prefiro tentar me proteger antes que aconteça alguma coisa”, declarou.