A apresentadora Fernanda Lima
A apresentadora Fernanda Lima (Foto: Divulgação/TV Globo)

A apresentadora Fernanda Lima usou os seus perfis nas redes sociais para agradecer o apoio que recebeu dos seus seguidores, que saíram em sua defesa nos ataques que ela recebeu após a exibição do “Amor & Sexo”, na última terça-feira (06), que abordou a mulher como tema.

Um discurso da famosa contra o conservadorismo foi alvo de reações contrárias na internet. Na mensagem, ela ressaltou que o propósito da atração que comanda na Globo é provocar reflexões em quem assiste. O ataque foi tão incômodo que a esposa de Rodrigo Hilbert chegou a desativar o campo de comentários em sua conta no Instagram.

“Gostaria de agradecer o carinho das pessoas que têm se manifestado positivamente em relação ao programa que foi ao ar na última terça-feira, sobre a mulher. Estou recebendo muito amor e com isso renovando minhas energias para seguir a caminhada. É muito importante receber o reconhecimento do papel de ‘Amor e Sexo’ em defesa da igualdade e da diversidade. É um trabalho que leva meses para ser desenvolvido, com cada tema pesquisado, escrito e gravado com meses de antecedência”, resaltou.


LEIA MAIS:

Pabllo Vittar lança clipe de “Highlight” música tema de “Super Drags”

80% dos profissionais LGBT+ se dizem prontos para assumir sua orientação sexual no trabalho, mostra pesquisa do BCG

Fernanda seguiu o seu depoimento afirmando que o programa foi gravado em julho e que está satisfeita com a discussão que a atração promove a partir dos assuntos abordados. “Nossa equipe está muito feliz com os debates que o programa ‘mulher’ tem gerado, pois a nossa motivação é provocar reflexões sobre o papel da mulher na sociedade e como podemos desconstruir as estruturas machistas, homofóbicas e racistas que aprisionam as mulheres e homens. O amor cura”, escreveu ela.

Dentre as críticas, o sertanejo Eduardo Costa se destacou e comentou um post detonando a apresentadora: “Mais de 60 milhões de brasileiros e brasileiras votaram no Bolsonaro e agora essa imbecil com esse discurso de esquerdista! Ela pode ter certeza de uma coisa, a mamata vai acabar, a corda sempre arrebenta pro lado mais fraco e o lado mais fraco hoje é o que ela está. Será que essa senhora só faz programa pra maconheiro, pra bandido, pra esquerdista derrotado, e pra esses projetos de artista assim como ela”, disparou o cantor.