O ator norte-americano Rami Malek caracterizado como Freddie Mercury (FOTO: Entertainment Weekly)
Bohemian Rhapsody† O ator norte-americano Rami Malek caracterizado como Freddie Mercury (FOTO: Entertainment Weekly)

Na pele de Freddie Mercury, líder da banda Queen e um dos maiores ícones LGBT da música de todos os tempos no filme Bohemian Rhapsody, o ator Rami Malek revelou ter se sentido pressionado a aceitar o convite para interpretar o roqueiro, em entrevista ao jornal britânico The Guardian.

O astro comparou a escalação como “um daqueles em que sentes que tens uma arma apontada à cabeça”. “O que havia de fazer? Gosto de pensar que quando sou deparado com uma situação de: ou lutas ou foges, eu luto”, explicou ele.

LEIA MAIS:


Lulu Santos troca mensagens de amor com o namorado

Justiça ordena que Bolsonaro apague informação mentirosa sobre “kit gay”

“Os desafios mais assustadores que decidi aceitar na minha vida têm sido os mais recompensadores. E este filme é uma prova disso mesmo”, completou.

A história passará por vários momentos da vida do músico tanto na carreira profissional quanto na pessoal, até a última performance da banda no Live Aid de 1985, seis anos antes da morte de Mercury. A data de lançamento acontece no dia 02 de novembro.