Marcha Trans
Marcha Trans (Foto: Reprodução/Internet)

A Suíça aprovou lei que passa a criminalizar homofobia e transfobia em seu território equiparando a discriminação causada por preconceito e intolerância à orientação sexual ou identidade de gênero de LGBTs ao crime de racismo.

O placar de votação na Câmara foi amplo e favorável à decisão, sendo 118 votos a favor e 60 contrários.

Agora, aqueles que forem pegos praticando homo ou transfobia e for considerado culpado poderá pegar até três anos de detenção em regime fechado, conforme passa a prever a lei.


Leia mais:

Padre é afastado pela igreja após curtir foto de amigo gay

Gays, héteros bi e trans: nova série do Canal Brasil retrata a nudez masculina

Após a decisão, o ativista pelos direitos da comunidade LGBT suíça Mathias Reynard, comemorou a determinação considerada uma “vitória”.

“A homofobia não é uma opinião, é um crime. A vitória manda uma mensagem forte”, afirmou o deputado do Partido Social Democrata, que tenta, ainda, legalizar a união homoafetiva na Suíça.

Com informações do site “Notícias ao Minuto” e da revista britânica “Dazed”

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA