Isa Penna e Leci Brandão
Isa Penna e Leci Brandão (Reprodução)

Apesar da onda de fascismo que se aproxima do país, a Assembleia Legislativa de São Paulo estará um pouco mais colorida em 2019. Isso porque, além de eleger suas duas primeiras deputadas transexuais, irão compor a Alesp uma mulher lésbica e outra bissexual.

Leci Brandão (PCdoB) conseguiu se reeleger, enquanto Isa Penna (PSOL) conseguiu seu primeiro mandato, após atuar com vereadora suplente por São Paulo.

Leia mais:


Fernando Haddad quer criminalizar a homofobia e promete bolsas de estudos para transgêneros

Contrário às pautas LGBT, Magno Malta perde e está fora do Senado

Leci consegui o total de 64.487 votos e Isa se elegeu com 53.838

 

DEIXE UMA RESPOSTA