O patinador olímpico Adam Rippon, que ganhou destaque durante as Olimpíadas de Inverno, deste ano, comentou em entrevista ao TMZ Sports sobre as declarações feitas pelo Papa Francisco a um homem gay que havia sido abusado por um padre na infância.
O patinador olímpico Adam Rippon (Foto: Harry How/Getty Images)

O patinador olímpico norte-americano Adam Rippon foi vítima de um ataque homofóbico durante passeio com o namorado.

A revelação foi feita pelo próprio atleta em entrevista à revista Attitude contou que foi xingado enquanto andava de mãos dadas com o namorado Jussi-Pekka Kajaala pelas ruas de Nova Iorque.

Leia mais:


Daniela Mercury celebra união com a esposa e faz manifestação política

Troye Sivan ajuda casal gay judeu a ficarem noivos em seu show

“Eu estava andando de mãos dadas. Um cara apareceu do nada dizendo: ‘Bichas’ e correu. É triste que alguém ainda faça isso nos dias de hoje”, lamentou Rippon.