Deputado Federal Jean Wyllys
Deputado Federal Jean Wyllys (Foto: Reprodução)

Único deputado assumidamente LGBT no Congresso Nacional, Jean Wyllys (PSOL) conseguiu se reeleger para seu terceiro mandato na Câmara.

Pela primeira vez em sua história política, Wyllys precisou lutar contra uma onda enorme de fake news a fim de desestabilizá-lo e incentivarem as pessoas a não elegê-lo.

Não é de hoje que o Jean é vítima de homofobia, principalmente dos eleitores de Jair Bolsonaro.


Leia mais:

Site brasileiro ajuda gays a ‘saírem do armário’

Fernando Haddad quer criminalizar a homofobia e promete bolsas de estudos para transgêneros

Após a vitória, Jean Wyllys agradeceu e avisou que “temos mais quatro anos de resistência”. “O que eu fiz nessa campanha foi resistir. Eu resisti a um ataque sem precedentes a um candidato. Só o candidato à presidência Fernando Haddad foi quase difamado como eu fui. Ninguém foi tão difamado como eu”, afirmou.

“Nós conseguimos que o TRE tirasse de circulação um milhão de publicações falsas. Eu fui caluniado à direita e à esquerda, houve boicote à minha candidatura dentro do próprio campo progressista e a maior fake news que se espalhou em relação a mim é que eu já estava eleito para eu não receber votos”, disse o parlamentar, ressaltando que os próximos quatro anos “serão de resistência ao fascismo, agora mais que nunca”.

Obrigado a todos e todas! Mais que nunca, a palavra de ordem é resistir! E agora, é Haddad e Manu, 13!

Publicado por Jean Wyllys 5005 em Domingo, 7 de outubro de 2018

 

 

7 COMENTÁRIOS

  1. cheguei a seguinte conclusão, agora inês é morta não temos mais o que fazer, a coisa esta tão desandada que já posso ver Hadad subindo a rampa junto com Lula no dia 01.01.19 ….!! virou uma grande putaria, e as forças armadas não faz nada, não posso crer que eles estão concordando com toda essa zona. quanto ao nosso deputado homossexual fique a vontade deputado já diz o sábio provérbio ” cada um da o que quer, e só não pedir o meu emprestado “

  2. Quem apoia esse tipo de pessoa deve estar contente, deve ter filhos na escola e esta ja aprendendo a ser lgbt.
    Tudo isso foge o principio da família da religiosidade.

  3. quem é que escreveu essa matéria? ele é rejeitado por homofobia??? dos eleitores de bolsonaro?, é rejeitado por falta de educação, falta de carater e o mínimo de respeito para com o próximo, e mais, defende que crianças tem que ser influenciadas em suas escolhas sexuais, além de supostamente heterofóbico, se é que existe a palavra, além de drogado, deve ser pedófilo. Se reelegeu por legenda, uma vergonha! E só pra concluir, fascista é um termo originalmente aplicado aos socialistas, que não é o nosso caso, então… me polpe desse mimimi. Ao querido que escreveu esse monte me baboseira, vai estudar e vira gente.

  4. Na verdade não somos contra comunidade nenhuma, somos contra pessoas que querem impor seu modo de pensar goela abaixo, cada um cuida de si e principalmente de seus filhos, Eu como pessoa tenho amigos incríveis gays etc, mas são pessoas com princípios, fé e educação, bem como nos respeitam. O problema não é ser isto ou aquilo quanto a orientação sexual e sim ter princípios ou pelo menos respeitar o dos outros.

  5. Canalha. Só se reelegeu graças ao quociente eleitoral… A matéria faz parecer que ele foi reeleito através do voto popular. MENTIRA !!! CANALHAS!!! CANALHAS MIL VEZES !!!!

DEIXE UMA RESPOSTA