daniela mercury
Daniela Mercury em ato contra Bolsonaro (Reprodução/Twitter)

A cantora baiana Daniela Mercury comandou ato contra Jair Bolsonaro durante manifestação nas ruas de Salvador, capital da Bahia, no último sábado (29).

Do alto do trio, Daniela, que é lésbica assumida, criticou o ex-deputado, afirmou que seu posicionamento é uma alternativa à sua sobrevivência e de todos os LGBTs.

Leia mais:


LGBTs protestam contra Bolsonaro: #EleNão

STF decidirá em novembro se discriminação contra LGBT deverá ser considerada crime

“Cadê os pretos dessa cidade? Cadê os gays dessa cidade? Cadê as mulheres dessa cidade?”, gritou a artista.

“A gente não pode aceitar uma pessoa que traga ódio e violência para o Brasil. Eu não estou aqui para defender partido algum, estou aqui para defender a nossa vida”, afirmou Daniela Mercury.

View this post on Instagram

Começou Salvador! #elenão

A post shared by Daniela Mercury (@danielamercury) on

 

 

1 COMENTÁRIO

  1. É INTERESSANTE A CABEÇA DA DANIELA. ELA PREGA QUE O CANDIDATO BOLSONARO ESPALHA VIOLENCIA, ÓDIO, QUANDO NA VERDADE, QUEM COMEÇOU COM ISSO, FOI O MOLUSCO QUE ESTÁ PRESO E SÓ FALTA A LAVA JATO CHEGAR NOS FILHINHOS DELE. QUEM DISSE QUE IRIAM COLOCAR FOGO NO PAÍS SE O MOLUSCO FOSSE PRESO ??? A OBCECADA GLEISE HOFMAM E O PRÓPRIO MOLUSCO. TODOS ELES PREGANDO A VIOLENCIA . EU ACHO QUE ESTA FRASE DIZ TUDO : “BOLSONARO PODE NÃO SER O MELHOR FERTILIZANTE PARA O BRASIL NESSE MOMENTO, MAS É O MELHOR PESTICIDA DE QUE PRECISAMOS AGORA .” FORA PETRALHAS !!!!!!!

DEIXE UMA RESPOSTA