A atriz Isabella Santoni
A atriz Isabella Santoni (Foto: Reprodução/Instagram)

Aliada da comunidade LGBT, a atriz Isabella Santoni confessou que nunca foi assim, em entrevista para a edição da revista Glamour de setembro. Criada em uma família com educação religiosa, ela explicou que na época que não aceitava os membros da diversidade.

“Quando comecei a estudar teatro tinha um pensamento muito ortodoxo, quadrado. Vinha de uma família tradicional, ia para a igreja católica todo domingo… Não entendia bem por que as pessoas eram homossexuais, recriminava quem bebia muito ou usava drogas”, lembrou.

LEIA MAIS:


Chloë Grace Moretz conta detalhes de cena de sexo lésbico em novo filme

“Torço para que aconteça”, afirma Juliano Laham sobre beijo gay em “Orgulho e Paixão”

Entretanto, a presença no meio artístico fez ela abrir a mente sobre o assunto, que mais tarde influenciaria a sua própria mãe. “Freud fala que uma hora você ‘mata’ seus pais, né? Brinco com a minha mãe que, quando comecei a fazer teatro, eu os ‘matei’ e passei a ver o mundo pelos meus olhos [os pais de Bella nunca viveram juntos. Ela foi criada pela mãe, mas tem uma boa relação com o pai]. Minha mudança de postura refletiu também na minha mãe, que passou a se abrir e a me ouvir.”

“Passei a alertá-la quando ela fazia comentários pequenos, daqueles que a gente não percebe. Tipo vermos um casal gay e ela falar: ‘Coitada da mãe deles’. E eu: ‘Coitada por quê? Tenho pena de quem não pode ser o que quiser’. Ela concorda e assim seguimos”, completou.

18 COMENTÁRIOS

    • Depende do que as pessoas chamam de homofobia. Tenho amigos gays e não desejo nenhum mal para eles, porém não concordo com o casamento homoafetivo, é questão de opinião, como também não concordo com o relacionamento de um homem de 40 com uma criança de 8 anos. Amar as pessoas não significa necessariamente que temos que apoiar o que fazem. Uma mãe ama seu filhos mesmo que seja o pior traficante da comunidade. Acho a relação homoafetiva anti-natural pois contraria as leis de Deus e ofende a biologia se considerarmos que o sexo não foi criado apenas para o prazer mas também para a procriação. Eu e você não existiríamos sem uma relação hétero sexual
      .

      • BLÁ BLÁ BLÁ BLÁ ainda bem q existem os heteros q é para procriarem, e lançarem mais individuos no mundo…..
        pq os gays aproveitam adotam essas crianças q vcs heteros jogam no lixam….
        gente vamos parar de hipocresia, chega de rotulos!!!!

      • Cláudio Mirando, acho que você deveria rever seus pensamentos, você compara duas pessoas, que simplesmente se amam, com abuso sexual, Deus, e Biologia. O casamento homo-afeito, parte do principio JURÍDICO e não religioso, sem contar que o casamento é celebrado em um cartório, por um escribão e não por um padre ou pastor, queria que você lesse um pouco sobre a legislação e as leis que passaram a asseguram a comunidade LGBT, acredito que VC, tem muito a evoluir.

        Espero algum dia você consiga evoluir e respeitar as diferenças.

        Um grande abraco,

        M. LUCA

        • Falta evolução ai tbem amigo, o camarada foi extremamente cuidadoso e diz que respeita, só não concorda…. Falta tolerancia ai tbem.

      • É engraçado os comentários contrário ao que o Claudio escreveu.
        Quer dizer que não concordar com a forma de vida que um outro cidadão vive, já ignorante, homofóbico ou sei lá o que, fala que tem que evoluir (no quê mesmo?), fala de hipocresia (escrita errada) a forma correta é hipocrisia (ele não foi falso, foi verdadeiro expressando o que pensa, respeite), fala que nunca pegou num livro de biologia, não realmente é triste, quanta falta de maduridade intelectual (o Fernando nunca estudou biologia, não sabe a diferença cromossômica entre homem e mulher, (UMA AULA GRÁTIS PRA VOCÊS QUE NÃO SABE: Nas mulheres, observa-se a presença de dois cromossomos sexuais X, que são homólogos. Nos homens, por sua vez, observa-se a presença de um cromossomo X e um cromossomo Y. Homens e mulheres apresentam hormônios sexuais em diferentes quantidades que garantem o desenvolvimento dos caracteres sexuais primários e secundários. Homens apresentam uma maior concentração de andrógenos, como a testosterona, diferentemente da mulher, que possui uma maior concentração de estrógeno. Referência: SANTOS, Vanessa Sardinha dos. “Diferenças biológicas entre homens e mulheres”; Brasil Escola. Disponível em ).
        Pois ao mesmo tempo que pedem respeito, não respeita a opinião do outro, são verdadeiros INTOLERANTES.
        Homofobia é: Medo patológico; Ódio;
        E o que é medo patológico: é o medo que passa a desencadear sintomas de grande intensidade e duração maiores que o esperado. O medo patológico diferencia-se do medo normal por não ter causa objetiva ou base na realidade para provocar uma aflição desmedida.
        E o que é ódio: o ódio é um sentimento de profunda antipatia, desgosto, aversão, raiva, rancor profundo, horror, inimizade ou repulsa contra uma pessoa ou algo, assim como o desejo de evitar, limitar ou destruir o seu objetivo.

        Tá aí ver se aprendem, estudem mais e respeite mais a opinião dos outros.

  1. Se fala muito de homofobia mais hoje em dia esta muito difícil, você não pode abrir a boca que já é um homofóbico, eu não acho certo bater muito menos matar uma pessoa homossexual mais também não sou obrigada a achar “normal” uma relação assim, cada um faz oque quer entre quatro paredes temos o dever de respeitar desde que nos respeitem também.

    PRONTO FALEI!!!

  2. Cara comparar o casamento homoafetivo com pedofilia (como vc citou em seu infeliz comentario acima) só mostra o qt vc não é esclarecido e nem deve querer entender e respeitar as pessoas….

  3. É simples assim, eu respeito a tua opinião, o que vc é e pensa, e vc respeita a minha opinião, o que sou e o que penso….pronto…só isso…e seremos todos felizes e sem atritos desnecessários.

  4. Cláudio Mirando, acho que você deveria rever seus pensamentos, você compara duas pessoas, que simplesmente se amam, com abuso sexual, Deus, e Biologia. O casamento homo-afeito, parte do principio JURÍDICO e não religioso, sem contar que o casamento é celebrado em um cartório, por um escribão e não por um padre ou pastor, queria que você lesse um pouco sobre a legislação e as leis que passaram a asseguram a comunidade LGBT, acredito que VC, tem muito a evoluir.

    Espero algum dia você consiga evoluir e respeitar as diferenças.

    Um grande abraco,

    M. LUCA

  5. Amigo nao precisa concordar, quem vai casar com alguem do mesmo sexo nao é voce, se nao concorda fica na sua e deixa quem é ser feliz.. o casamento que se refere é apenas no civil, sao para reconhecer direitos civis que eles devem ter como qualquer pessoa que contribui e paga impostos.

  6. Jamais meu comentário será publicado, tenho certeza disso. É obrigatório concordar homericamente com o homossexualismo, e fim de papo! E como eu nunca vou concordar, perco meu direito de livre expressão. Ainda mais em qualquer página da UOL. DEIXE UMA RESPOSTA… Como? Tenho que dizer que homossexuais são lindinhos? Qualquer coisa deferente de lindinho, será sumariamente censurado pela “ditadura gay”. Esse comentário não vai passar, imagine se dissesse o que eu penso?

DEIXE UMA RESPOSTA