O rapper Eminem
O rapper Eminem (Foto: Divulgação)

Após causar polêmica por usar um termo homofóbico em uma das músicas de seu novo disco de estúdio, “Kamikaze”, o rapper Eminem pediu desculpas e admitiu ter “ido longe demais”.

Em entrevista no YouTube, Eminem disse que a utilização do termo “faggot” na canção “Fall” (“bichinha”) foi uma forma de tentar ofender outro rapper, Tyler the Creator.

Leia mais:


Leo Dias vai se internar pela 2º vez para tratar vício em cocaína

Chris Pine fala sobre polêmica cena de nudez frontal do filme ‘Legítimo Rei’

“Eu acho que esse foi um daqueles momentos em que eu fui longe demais. Digo isso porque, na minha busca por uma forma de machucá-lo, eu acabei machucando muitas outras pessoas com o que falei”, declarou o artista.

Eminem disse ainda que, depois de gravar a canção e ouvir seus versos, ele começou a ficar incomodado com o emprego do termo “bichinha”. Por fim, ele conta que tentou “obscurecer” a palavra dentro da música, mas algumas pessoas “ainda conseguiam entender” o que ele estava dizendo.