Cher
A cantora Cher (Foto: Reprodução)

Uma das principais divas gays de todos os tempos, Cher endossou a campanha internacional contra a candidatura de Jair Bolsonaro.

A estrela da música mundial atendeu pedidos de seu fã clube oficial no Brasil, que afirmou que o país corre o risco de eleger seu próprio Donald Trump: Bolsonaro – um político conservador e contrário aos direitos humanos.

Leia mais:


Casal gay de pinguins ‘rouba’ bebê negligenciado pelos pais em zoo

“O garotinho gay dentro de mim está dando piruetas”, diz fã após gentileza de Christina Aguilera

“Triste que o Brasil está enfrentando seu próprio [Donald] Trump. Um candidato homofóbico e racista está liderando as pesquisas. Significaria muito que todos nós pudéssemos compartilhar a hashtag #EleNão (#NotHim) para apoiar isto”, diz a mensagem replicada por Cher em seu perfil oficial na plataforma.

 

DEIXE UMA RESPOSTA