Luccino e Otávio se beijaram em Orgulho e Paixão
Luccino e Otávio se beijaram em Orgulho e Paixão (Reprodução/TV Globo)

Sucesso absoluto em Orgulho e Paixão, Pedro Henrique Müller, que na trama das 18h da TV Globo interpreta o militar Otávio, falou sobre o romance gay que seu personagem vive com Luccino (Juliano Laham) e afirmou que “Lutávio” ajudou a aproximar famílias que têm filhos LGBT.

“Muitos fãs agradecem a delicadeza com a qual a história foi sendo construída. Dizem que foi justamente essa leveza que fez com que familiares, que antes viam o amor entre casais homoafetivos com relutância, agora consigam compreender melhor a existência desses sentimentos, por causa da novela”, disse o artista em entrevista ao site “Notícias da TV”.

Leia mais:


Filho de Bolsonaro defende Anitta após cantora ser cobrada por fãs LGBT

Leo Dias conclui primeira fase do tratamento contra cocaína

“Entendem que esse amor pode ser tão bonito e relacionável quanto o de Elisabeta [Nathalia Dill] e Darcy [Thiago Lacerda], Cecília [Anaju Dorigon] e Rômulo [Marcos Pitombo] ou Ema [Agatha Moreira] e Ernesto [Rodrigo Simas]. O amor tem diversas formas de se manifestar, e acho que a novela é uma celebração dessa diversidade. O público tem reagido com uma avalanche de amor pelo casal”, explicou Müller.

Sobre os comentários negativos e alguns até homofóbicos, Pedro Henrique conta que existem também, mas ele prefere ignorar, e ressalta que a maioria é proveniente de pessoas que nem assistem a novela, e só sabem destilar o ódio nas redes sociais.