Apenas os países da Europa não criminalizam a homossexualidade
Apenas os países da Europa não criminalizam a homossexualidade (Reprodução)

A legalização da homossexualidade na Índia, segundo país mais populoso do mundo, fez com quem 75% das pessoas em todo o planeta passassem a habitar nações onde relações homoeróticas não sejam consideradas criminosas.

Mesmo assim, 25% da população vive em países onde ser LGBT ainda é considerado crime, o que representa um total de 69 nações.

Fora a Antártida, que é considerada inabitável por suas condições climáticas, a Europa é o único continente em que todos os seus 50 países não criminalizam a homoafetividade.


Leia mais:

Mais da metade das pessoas vivem em países onde sexo gay é legalizado

Brasileiros representam quase metade das buscas mundiais por vídeos de trans em site pornô

Já em civilizações como Papua-Nova Guiné e os Emirados Árabes penaliza aqueles que forem pegos em relações homossexuais com a prisão. Irã, Sudã e Iêmen vai mais além e determina pena de morte para essas pessoas.

Veja a lista com os países em que a homossexualidade é considerada crime.

ÁFRICA – 30 países:
Algéria
Angola
Botswana
Comoros
Eritrea
Etiópia
Gâmbia
Ghana
Guinea
Quênia
Libéria
Líbia
Malawi
Mauritânia
Maurícia
Marrocos
Namíbia
Nigéria
Senegal
Serra Leoa
Somália
Sudão do Sul
Sudão
Suazilândia
Tanzânia
Togo
Tunísia
Uganda
Zâmbia
Zimbábue

AMÉRICA (Norte, Central e Sul) – 9 países:
Antígua e Barbuda
Barbados
Dominica
Granada
Guiana
Jamaica
São Cristóvão e Nevis
Santa Lúcia
São Vicente e Granadinas

ÁSIA – 22 países:
Afeganistão
Arábia Saudita
Bangladesh
Butão
Brunei
Emirados Árabes
Iêmen
Irã
Iraque
Kuwait
Líbano
Malásia
Maldivas
Mianmar
Omã
Paquistão
Qatar
Singapura
Sri Lanka
Síria
Turquemenistão
Uzbequistão

OCEANIA – 6 países:
Ilhas Salomão
Kiribati
Papua-Nova Guinea
Samoa
Tonga
Tuvalu

DEIXE UMA RESPOSTA