Pepê, da dulpa com Neném, em ensaio sensual
Pepê, da dulpa com Neném, em ensaio sensual

Abertamente homossexual, a cantora Pepê, da dupla com Neném, revelou em entrevista à edição desta quarta-feira (08), do programa SuperPop, da Rede TV!, nunca ter tido um relacionamento com pessoas do sexo oposto, se declarando “virgem de homem”.

“Podem julgar. Eu tenho 43 anos e sou ‘virgem’ até hoje. Nunca tive um homem porque não quero, não é o que eu gosto”, afirmou a artista que acrescentou já ter conhecimento a respeito da sua sexualidade desde os onze anos de idade.

LEIA MAIS:


Câmara de Muriaé aprova Projeto de Lei para treinamento profissionais de saúde para atender LGBTs

Associação anuncia Parada da Diversidade de Balneário Camboriú para novembro

Já Neném contou que sempre foi mais difícil para ela aceitar a homossexualidade, assumida publicamente em 2012. “Nunca pensei que era errado, mas ficava com medo do que minha família ia achar, por isso a gente ficava na nossa. Pra Pepê foi mais difícil assumir. Ela sempre foi boba, mais tímida, achava que as pessoas iam criticar a gente. Em 1999, chegavam pra gente e perguntavam dos namorados, a gente até gaguejava. Eu me sentia muito mal”, lembrou.

As gêmeas ainda lembraram experiências desastrosas em contato com o sexo masculino. “Na brincadeira da salada mista na escola, quando o menino foi me beijar, dei um tapa. Quase matei o garoto”, disse Neném aos risos. “Com 8 anos você já sabe que gosta daquilo. Tenho 43 anos e sou virgem até hoje, nunca tive um homem e não quero. Gosto de meninas”, completou Pepê.

DEIXE UMA RESPOSTA