Parada Gay do Cia, em Simões Filho
Parada Gay do Cia, em Simões Filho (Foto: Reprodução)

As cores do arco-íris tomaram conta das ruas da cidade de Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador (RMS), neste domingo (19), com a realização da 10ª edição da Parada Gay do CIA, que levou uma multidão de pessoas espalhadas pelo circuito que a passeata seguiu.

O evento teve início por volta de meio-dia, em frente ao leilão e percorreu a Avenida Elmo Serejo Farias até as mediações do Ginásio de Esportes, na entrada do bairro Vida Nova, através do trio elétrico carreatas, embalado com muita música com DJs e atrações musicais.

Não faltou também militância, com reivindicações na luta pelos direitos da comunidade LGBT, além da necessidade de ampliar representantes nos poderes executivo e legislativo nas três esferas, municipal, estadual e federal. A Parada também homenageou diversas figuras públicas que de alguma forma levantam a bandeira da diversidade.


LEIA MAIS:

Justiça de SP condena plano de saúde a pagar despesas de homem trans que teve cirurgia negada

Rapper é acusado de discriminação após cortar modelo trans de capa de álbum

O apresentador local Aritana de Oxóssi, além do radialista Jairo Mascarenhas foram premiados com o Troféu Imprensa. Delegada Lucelma, representando a luta das mulheres por direitos iguais e os policias da 22ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) e ao Major Fábio Dias, representados pelo Tenente Bastos, também foram condecorados com honrarias entregues pelo presidente do movimento LGBT Edy Cacai.

“O objetivo da mobilização é mostrar a importância de garantir políticas públicas para o segmento LGBT, principalmente em um ano político, em que a sociedade escolhe os seus representantes. Nós também precisamos de representatividade e queremos o direito à diversidade assegurado”, afirmou Edy ao site Mapele News.

DEIXE UMA RESPOSTA