Demi Lovato
Demi Lovato (Foto: Reprodução)

De acordo com o site TMZ, a cantora Demi Lovato já recebeu alta do hospital no qual estava internada desde o último dia 24, para tratar uma overdose. Assim que deixou o centro médico no sábado (04), ela foi direto para uma clínica de reabilitação.

Fontes ouvidas pelo veículo especializado em celebridades afirmam que a estrela deixou o Cedars-Sinal Medical Center, em Los Angeles, e pegou um avião em direção para uma instituição fora da Califórnia. Os familiares estão tentando afastar pessoas “negativas”, que teriam sido responsáveis por fazê-la voltar às drogas.

LEIA MAIS:


Ex-namorado de George Michael critica músico após não ser incluído em herança

Aliada dos direitos LGBT, Marta Suplicy anuncia aposentadoria da política

No domingo (05), Demi divulgou uma carta aberta nas suas redes sociais, na qual falou publicamente, pela primeira vez, sobre o ocorrido e confirmou que está enfrentando um momento de dependência química por uso de drogas e que o sucesso do tratamento será uma questão de tempo, além de agradecer o apoio dos fãs, familiares e da equipe médica que a assistiu durante o seu internamento.

“Sempre fui transparente sobre minha jornada com o vício. O que aprendi é que essa doença não é algo que desaparece ou enfraquece com o tempo. É algo que devo continuar a superar e que ainda não está terminado. Quero agradecer a Deus por me manter bem e viva.

Aos meus fãs, serei sempre grata por todo amor e apoio durante essa última semana e além. Seus pensamentos positivos e orações têm me ajudado a passar por esse momento difícil. Eu quero agradecer a minha família, minha equipe, e à equipe do Cedars-Sinai que tem estado ao meu lado todo o tempo.

Sem eles eu não estaria aqui escrevendo essa carta para vocês todos. Agora preciso de tempo para me curar, focar na minha sobriedade e caminhar para a recuperação. O amor que vocês todos têm mostrado nunca será esquecido e aguardo o dia em que possa dizer que saí do outro lado.

Continuarei lutando,
Demi.